Tendências Alta Costura – Primavera/ verão 2018

Anna Barros 2 fevereiro, 2018Blog - Desfiles

Quer conhecer as principais tendências apresentadas na semana de Alta – Costura primavera/ verão 2018, desfiladas entre 22 janeiro e 25 de janeiro de 2018? Então acompanhe a série de post que vou publicar sobre o tema 🙂

Os desfiles de alta-costura são palco para apresentar a maioria dos looks que farão parte do tapetes vermelhos desse ano,  cujo ápice se dá na entrega do Oscar.

Apesar de inacessível para maioria dos mortais, apresentam idéias que servirão de inspiração para coleções de varejo de moda, mais próximas da realidade das pessoas.

No post de hoje vou falar da tendência surrealista e dos maxi volumes, apresentados por diversas grifes nos desfiles de alta-costura.

Surrealismo

O Surrealismo foi um movimento artístico fundado em 1924, que toma por base  o potencial criativo do mundo do inconsciente, do sonho e da fantasia, adotando muitas vezes o recurso do ‘deslocamento’ , isto é, a colocação de um objeto ou imagem em local estranho ao esperado. Na moda, esse movimento influenciou  a estilista Elsa Schiaparelli já na década de 30 e até hoje vemos essa característica presente no DNA da marca.

Vejam looks desfilados com inspiração no surrealismo em diferentes marcas no desfile de alta costura primavera/verão 2018.

O primeiro look é da marca Schiaparelli e os dois looks seguintes em preto e branco da Dior, que por sinal apresentou todo o desfile nessas cores, além do cenário com muitas referências surrealistas, que você pode conferir no vídeo que incluí ao final do post.

dior_anna_barros_fashion

Abaixo looks da grife Viktor&rolf que além das roupas, trouxe elementos como máscaras e adereços que reforçaram o conceito surrealista.

Victorrolf_anna_barros_fashion

Volumes e Formas 

Podemos dizer que alguns dos looks com grande trabalho de volumes e formas   também beberam da inspiração surrealista, só que aqui nas silhuetas.

Abaixo alguns looks desfilados pela grife Valentino by Pierpaolo Piccioli, o segundo look na cor ultra violet, eleita a cor do ano 2018 pela pantone :

valentino_anna_barros_fashion

As peças da grife e designer Iris Van Herper, inspiradas na natureza e em sua forma orgânica, com movimento e leveza, utilizou de processos como cortes a laser e tecidos com impressão em 3D:

van_herper_anna_barros_fashion

Abaixo looks da alta-costura da Dior, Guo Hei e Viktor&Rolf, que exploraram o conceito de volumes inesperados no look:

dior_guopei_vcitorrolf_anna_barros_fashion

A grife Maison Margiela by John Galiano, mantendo a tradição de desfiles menos comerciais, onde a desconstrução e elementos surreias se fizeram presentes, também trouxe um trabalho de superfície incrível.

maison_margiela_anna_barros_fashion

Na Givenchy os volumes aparecem muitas vezes em formas de camadas e babados nas saias longas em looks de gala, mostrando uma mulher romântica e arrojada ao mesmo tempo:

givenchy_anna_barros_fashion

Os looks apresentados parecem saídos de um mundo de sonhos e fantasias, não é mesmo?

Mas muitas dessas inspirações acabam sendo aplicadas de forma mais comercial e acessível no varejo de moda.

Nos próximos post, mais de algumas tendência, florais gigantes, laços e franjas, por exemplo.

Beijos!

 

SaveSave

SaveSave

Comente no Facebook

Comente no Blog

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts que você pode gostar
  • o-melhor-oculos-para-seu-rosto-2

    Qual melhor óculos para seu rosto - Parte I

  • Tendências - Desfiles de Moda

  • A Cor Rosa no São Paulo Fashion Week N47 - 2019